Workshop Promove Aula Prática sobre Endoprótese Ramificada de Ilíaca

Cirurgiões utilizaram a Endoprótese ramificada de artéria ilíaca interna.





Uma parceria entre a Medicicor e o IVA- Inteligência Vascular Avançada permitiu a realização, no último dia 27 de julho, da primeira transmissão ao vivo de um procedimento cirúrgico no Hospital da Bahia. A cirurgia fez parte do Workshop “Endoprótese Ramificada de Iliáca”, coordenado pelos cirurgiões vasculares André Brito e Leonardo Cortizo.

A cirurgia vascular, que tratou um aneurisma da aorta, que envolve também as artérias ilíacas, teve suas etapas previamente discutidas por médicos de alguns estados da região Nordeste, no Centro de Ensino do Hospital da Bahia. Os participantes tiveram a chance de contribuir com o planejamento e acompanhar todo o procedimento.

O cirurgião André Brito, um dos especialistas que ministrou o Workshop, relatou que “ o IVA desde do início de sua criação sempre esteve atento ás novidades do mercado, o que despertou a atenção de outros médicos que pediam para acompanhar nossas cirurgias e se atualizar com aquilo que estamos fazendo. Por isso, esse workshop procurou apresentar casos e discussões para planejamento terapêutico, compartilhar experiências, debater sobre aneurismas envolvendo artéria ilíaca, demonstrando o passo a passo do implante”, informou.

O especialista ressaltou ainda, que “o procedimento contou com uma prótese nova no mercado, tecnologia que ajuda a evitar complicações e que aumenta a qualidade de vida dos pacientes no pós-operatório. " A cirurgia foi realizada numa paciente de 60 anos, que tinha um aneurisma da aorta que envolve uma ilíaca comum. “Utilizamos uma prótese bifurcada de ilíaca interna que possibilita o salvamento da mesma, sem necessidade de ocluir a artéria. Esse tratamento diminui a taxa de complicações, acelera a recuperação do paciente, que terá uma melhor qualidade do pós-operatório, sem dor nos membros inferiores ou claudicações de glúteo”, destacou o cirurgião.

1 visualização0 comentário